domingo, 20 de fevereiro de 2011

Não era a Líbia que estava ao leme ...

... de uma comissão qualquer de direitos humanos da ONU? A tal ONU da tal Assembleia Geral que tem passado a vida a condenar Israel?

Parece-me que ainda acabamos por ter que aturar o amigalhaço de Sócrates acampado no recinto de uma das nossas fortalezas. As más línguas dizem que o forte de S. Julião da Barra servirá na perfeição.

Entretanto, a esquerdalha anti-semita que andava num frenesim está em recolhimento. Estará provavelmente acompanhada por Sua Eminâneia o Cardeal D. Fransico Louca*.

----

De acordo com a nova ortografia.

1 comentário:

LGF disse...

Já se viu que disparar sobre manifestantes desarmados não é crime.

Apenas é crime disparar contra terroristas. Principalmente se os terroristas forem palestinianos e se os que disparam forem israelitas.