domingo, 19 de junho de 2011

Não pagamos ... mas negociamos

Louçã vem agora em penitência dizer que foi um erro não ter ido negociar com o FMI. Parece que quer convencer que a razão de ter saído rachado das eleições foi ... não ter lá ido negociar.

O caramelo que aos 4 ventos despeja homilias "não pagamos" diz agora que saiu rachado das eleições por ... não ter "negociado".

Sem comentários: