quinta-feira, 7 de julho de 2011

Guerra de sapos

Fala-se hoje muito que os "ataques" das agências de rating têm como finalidade demolir o euro para reforço do dólar como moeda mais ou menos universal.

Deixando para outra altura o facto da "europa" ter exercitado todos os erros possíveis e imaginários a que não faltou a fuga ao referendo e a institucionalização de instituições que fogem ao controlo democrático (por muito ténue que ele seja), lembremos que demolir o dólar era uma das bandeiras anunciadas em morteiradas verborraicas pela Europa fora.

A crise só não estoirou mais cedo porque Buraco Obama passou a ocupar a Casa Branca aplicando aos EUA o mesmo tipo de políticas de "desenvolvimento".

Haverá, nesta altura, uma guerra de sapos para ver quem é o segundo a estoirar?

4 comentários:

José Damião disse...

Ah, ah, ah. Limpa o lixo pá

Portugal foi ontem

Hoje o menu é outro, cidades bancos e empresas

“A Fitch cortou, esta terça-feira, o 'rating' de longo prazo às cidades de Cascais, Lisboa e Porto de A- para BBB-, a um nível de ser considerada 'junk' (lixo), deixando a nota das cidades em revisão para possível novo corte”

“A agência de notação Moody's baixou o 'rating' das cidades de Lisboa e Sintra, bem como das Regiões Autónomas dos Açores e Madeira para "lixo", anunciou hoje a agência”

“A agência financeira Moddy's acaba de colocar quatro bancos portugueses na categoria lixo. A redução de níveis atingiu a Caixa Geral de Depósitos, o BCP, o Bpi e o Banif. No caso particular do BCP, é mesmo a primeira vez que uma agência financeira coloca o banco na categoria lixo”

Agora que se privatiza portugal, quem quer comprar mais barato que avance para a lixeira a beira mar plantada, as indicaçoes ja foram dadas.

Estranho não que o estado e as empresas portuguesas paguem variso milhoes milhões de euros por ano a estas agencias ou outras, as mesmas que baixam sucessivamente a nota à dívida soberana e que a colocam agora a nível de lixo financeiro. Que por acaso antes de ter acontecido a crise financeira aconselhavam bons investimentos na propria america em empresas falidas a seguir e de alto risco como sendo investimentos seguros e banais.

Ainda não percebeu estas agencias, nem viu o inside job

José Damião disse...

Ah! mas espera la, estas agencias são democraticas, e não fogem ao controlo democratico, irra. eh eh eh

RioD'oiro disse...

"Ainda não percebeu estas agencias, nem viu o inside job"

O inside job foi socialista, como foi na cortina de ferro.

Deu em derrocada.

José Damião disse...

Ah o inside job foi socialista, ah ah ah, não gostaste foi.

Eu pensava que era um documentário e só um documentário sobre factos da crise de 2007 a 2010, para quem quiser ver sem oculos ideologicos desminta os factos. o resto é de quem não tem artgumentos.


http://filetram.com/download/4shared/
video/8470285915/
inside-job-legendado-avi



Varra o lixo homem varra o lixo


faxine faxine.