terça-feira, 8 de novembro de 2011

A Itália descobre a solução milagrosa para resolver os problemas de financiamento: substituir Berlusconi

Fartos de ouvir dizer que o aumento das taxas de juro de colocação de mais dívida resulta do sobre endividamento e da desconfiança da solvabilidade do endividado, fartos de ouvir dizer que o problema só se resolve deixando de gastar o que não se tem, os políticos italianos descobriram a panaceia indolor que vai resolver todos estes problemas: substituir Berlusconi.

Com tudo isto, Berlusconi vai tornar-se num sucesso de exportação italiano superior àqueles carros baixinhos e às garrafas de vinho forradas a palhinha. Assim, diversos países sobre-endividados solicitaram já a sua presença nos respetivos Governos por um par de semanas para depois ser substituído provocando uma imediata e definitiva quebra nas taxas de colocação mais dívida para níveis próximos de 0 (zero). O alinhamento na agenda governativa de Berlusconi após a sua demissão de PM italiano pode bem ser o seguinte: Grécia, Portugal, Irlanda, Espanha, Bélgica, França e, last but not least, EUA

2 comentários:

RioD'oiro disse...

A coisa tem uma vantagem: deixa-se de ouvir falar da "relação" de Berlusconi com gajas.

LGF Lizard disse...

Cada um tem o PM que merece... enquanto uns têm um PM que não pode ver um rabo de saias, outros tiveram um PM que foi objecto de um boato onde se insinuava que tinha uma relação homossexual com uma figura do meio artístico...

Até nisso somos azarados.