sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Antes de se trancar a porta há que arrumar a casa para que haja porta

Adolfo Mesquita Nunes / Vitor Gaspar:
A melhor resposta para Portugal no quadro de uma crise sistémica da área do euro é cumprir as condições do seu programa de assistência económica e financeira porque nessas condições estará melhor defendido e estará a maximizar a credibilidade e confiança na sua estratégia independentemente do ambiente em que esse ajustamento de desenvolve, isto é, independentemente das circunstâncias a nossa prioridade terá que ser sempre concentrarmo-nos nas variáveis que controlamos, concentrarmo-nos em manter a nossa própria casa em ordem.

Sem comentários: