quinta-feira, 17 de maio de 2012

Fim de Linha Blogueira

A minha participação no Fiel-Inimigo chega ao fim. O FI está para a blogosfera como um saloon para o farwest; quem entra e quem está sabe que o mais certo é haver trolha ou tiroteio e é bom que continue a ser assim. Quem não estiver à altura, que não entre, ou que saia. Por motivos pessoais muito concretos perdi capacidades de sobrevivência no saloon, portanto, saio.


Foi bom ter postado no Fiel-Inimigo desde o início e durante quatro anos e quatro meses.

Ficam dois agradecimentos;
- aos leitores que fizeram o favor de aqui e ali ler e por vezes comentar os meus posts. Se por vezes tratei alguns mal, acreditem que não foi sem querer, foi de propósito; resta-me o consolo de ter sido correspondido;
- aos bloggers habituais do FI ou que conheci pessoalmente: o Carmo da Rosa, o José Gonsalo, o Lidador, o RB, e o RD. Uma palavra especial para o Lidador que conheci primeiro virtualmente noutro saloon que agora é uma ruina mal cheirosa e grafitada habitada por okupas; foi com ele que foi iniciada a ideia do blog em Janeiro de 2008. Um agradecimento especial também ao RD pela manutenção do saloon e pela a paciência com que aturou os meus pedidos de assistência técnica por trás dos panos.

Serei visita diária, e aqui e ali darei umas caneladas nos comentários sempre que as hipóteses de sair inteiro forem (muito) favoráveis (como, por exemplo, quando JG postar sobre o AO...).


Desejo o melhor do mundo aos amigos caseiros e forasteiros.

Em circunstâncias normais agora era o momento de desejar que os inimigos rebentassem. Mas, como disse, perdi faculdades, pelo que desejo aos inimigos que ganhem juízo e depois tenham também o melhor do mundo, como os amigos.

Uns e outros, divirtam-se.

5 comentários:

RioD'oiro disse...

Por mim a porta manter-se-à aberta ...

José Gonsalo disse...

Paulo Porto:
Isso não se faz. Vá, faz favor de reconsiderar. Senão, não digo o que penso do AO. Já viu o prejuízo que causa a tanta gente?

José Gonsalo disse...

Além disso, não sei se reparou, mas foi depois de me ter feito aquele reparo sobre o facto de andar a publicar demasiado espaçadamente que o CdR tem sido obrigado a ler os meus calhamaços...
Vá, assuma as suas responsabilidades.
:oD

O-Lidador disse...

Enquanto o saloon estiver aberto, a cadeira fica reservada.

Carmo da Rosa disse...

Paulo Porto,

Tenho dificuldade em ver o FIEL como um saloon do farwest!

Para a coisa ser mesmo saloon do farwest, falta aqui umas badalhocas a dançar em cima das mesas… Em tempos ainda arrastei uma pelos cabelos para o saloon, a Zazi (que saudades meu Deus!), mas não creio que houve aprovação geral… Resumindo, SALOON, não creio!

A mim parece-me mais um café de província. Daqueles onde as mulheres ainda só entram quando acompanhadas dos maridos; em que os maridos mantêm uma distância artificialmente formal em relação aos outros maridos; onde os que entram sem esposa são vistos com desconfiança: serão gays indignados, ou marxistas das salsichas? Onde a temática é pouco variada e bastante previsível; onde tipos como o Jim Jefferies são malvistos ou mal compreendidos por não respeitarem o decorum, por se comportarem como cowboys bêbados…

” Serei visita diária, e aqui e ali darei umas caneladas ….” diz você, mas isso é o que nós todos fazemos. Todos não, há uns tipos que têm o nome espetado no blogue há anos mas nunca deram uma puta de uma canelada na caixa de comentários de um colega…