sábado, 2 de março de 2013

Goodfellas, os verdadeiros, os originais


Este artigo de João Miguel Tavares é muito interessante mas à sua frontalidade faltou uma perna.

É exactamente por se saber que os jornalistas são altamente premiáveis a fretes e por se saber que a "informação" já previamente mastigada pelos gabinetes de comunicação ostentam a fachada de informação facilmente copiável para as colunas dos jornais, que os jornalistas são convidados a integra-los.

É assim por toda a parte de há muito tempo.

Sem comentários: