quarta-feira, 10 de julho de 2013

Da verdade para além da verdade

Para todos os que se recusavam a admitir a evidência da falsidade e facciosismo das notícias produzidas por estas agências, eis a prova do que venho repetindo desde há mais de dois anos. Os estragos, no entanto, já estão feitos: a opinião pública legitimou o apoio da maioria dos governos ocidentais a movimentos terroristas um pouco por todas as regiões afectadas pelo vírus da Primavera Árabe.

A verdade vai ainda para além deste artigo do Estado Sentido. A generalidade do ocidente, face à perca de influência da OPEP (há hidrocarbonetos por toda a parte e de tal forma que a OPEP representa uma pequena parcela), tem incentivado as guerras civis nas "pátrias muçulmanas".

Por politicamente incorrecto que seja, fazem o que devem fazer perante quem repetidamente anuncia que pela demografia da sua emigração tenciona assimilar as culturas ocidentais e submetê-las ao Islão. É o pôr em prática a estratégia de uma guerra combatida apenas em território inimigo e entre facções do inimigo.

Sem comentários: