domingo, 16 de fevereiro de 2014

Na Venezuela, o socialismo chega ao seu destino:

Os assassinatos pelos guardas da revolução e por motivos políticos são o dia-a-dia e em ritmo crescente.

A comunicação social ocidental, incluindo a portuguesa, assobia para o lado. A coisa vai ao arrepio da causa em que militam.




Sem comentários: