sábado, 21 de fevereiro de 2015

É difícil ser-se mais fascista que isto



António Costa quer que o dinheiro dos vistos gold passe a ser colocado num fundo para capitalizar empresas mais endividadas que seja gerido pelo Estado.

Sem comentários: