sábado, 26 de novembro de 2016

Obituários à Moda do Jornalista Tuga

Faleceu hoje Átila (406-453), lider histórico do povo huno, figura marcante do século V. Os detractores chamavam-lhe Flagelo de Deus, mas ficará para a história como o derradeiro conquistador das últimas décadas.
O povo Khmer chora a morte do carismático líder histórico Pol Pot (1925-1998). Apesar de controverso, foi um dos últimos revolucionários idealistas do século XX. O Presidente da República lamentou não ter tido tempo de o conhecer em vida.

Jean-Bédel Bokassa (1921-1996), pai dos centro-africanos, faleceu hoje vítima de ataque cardíaco. Apesar de ter liderado apenas 3 anos e de ter sido perseguido nas últimas duas décadas pelos seus opositores políticos, deixa uma marca incontornável na República Centro Africana. Morreu sem se provarem as alegadas acusações de comer criancinhas ao pequeno-almoço.

Os alemães estão inconsoláveis com a morte de Adolf Hitler (1889-1945) carismático líder do Partido Nacional-Socialista e Führer desde 1933. Orador poderoso, chefe incontestado e idolatrado por milhões de alemães, não deixou de ser uma figura controversa chegando a ser acusado pela oposição da prática de genocídios. Ter-se-à suicidado hoje, na sua habitação em Berlim. Foi uma figura incontornável da política europeia da última década.

Sem comentários: