domingo, 30 de julho de 2017

Uma crónica sem aproveitamento algum

Maria Helena Matos, aqui:
Em resumo, o aproveitamento político é aquilo que um homem quiser. Ou mais precisamente em Portugal o aproveitamento político é aquilo que certos homens quiserem. Donde resulta que não fazer nada que se aproveite não é defeito mas sim seguro de vida.

Sem comentários: