quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Marxismo requentado - 2

Parece que os marxistas do ensino descobriram, mais recentemente, Joseph Stiglitz prémio Nobel da Economia. Parece que nem Keynes nem Paul Krugman já servem.

Joseph Stiglitz  foi o exacto assessor de economia do governo grego até 2010.

Entretanto, as mesmas sinistras figuras odeiam um outro economista, Milton Friedman por ser furibundo “neo-liebral” e por ter sido assessor do governo de Pinochet. A aplicação dos conselhos de Friedman deixaram o Chile com uma economia que para a América do Sul é vibrante e um milhão de vezes melhor que a grega ...  que é, por sua vez, bem comparável à do Chile de Allende.

Sem comentários: