domingo, 29 de janeiro de 2012

Uma derrota para os melancias europeus

Boa notícia. É de esperar que a esquerdalha de melancias indignácaras não desista:
[...] num estudo encomendado pela própria União Europeia se conclui pela não necessidade de regulação adicional tendo em vista a exploração não convencional de gás (gás shale) nos países da UE.

15 comentários:

O Raio disse...

Portugal é um dos países com reservas de gás xistoso e é um crime não explorarmos esta fonte de energia!

RioD'oiro disse...

Há essa certeza?

O Raio disse...

Rio D'Oiro,

Segundo li, até no Expresso, há.

Mas aqui há uma explicação mais completa, com mapa e tudo:

http://a-ciencia-nao-e-neutra.blogspot.com/2010/12/uma-nota-optimista-neste-natal-de-2010.html

É uma coisa que eu acho espantosa, Pululam pela web manadas de socratofobos que passam o tempo a inventar malefícios que o Sócrates porventura nos deixou.

De uma forma geral não têm razão nenhuma e baseiam-se muitas vezes em factos distorcidos ou mesmo inventados.

Mas nunca referem o que foi provavelmente o maior erro do governo de Sócrates, erro esse que estamos a pagar e iremos pagar durante muitos anos, a sua ideológica política ambiental.

A exploração de gás do Algarve foi travada durante anos (este governo desbloqueou-a), não se investiu o que se devia ter investido na prospecção de petróleo na nossa ZEE (devemos estar cheios!), encheu-se o país de eólicas caríssimas e de paneis solares ainda mais caros e, last but not least ignorou-se o gás xistoso!

É que a electricidade produzida por gás é provavelmente a mais barata de todas e, o gás, ainda dá para automóveis, camiões e autocarros.

Isto só mostra ignorância da parte da tal manada de socratofobos...

RioD'oiro disse...

Caro Raio,

Assim de repente não vejo nada em que Sócrates tenha acertado sendo, evidentemente, as energias alternativas um dos casos flagrantes.

... mas eu não tenho notícia de que tenha sido detectado gás de xisto em Portugal. Se foi, tanto melhor.

Acho muito bem que este governo tenha libertado o bloqueio à prospecção e exploração e suponho que levara anos a haver resultados (seja positivos seja negativos).

RioD'oiro disse...

Já tinha lido esse artigo de Pinto de Sá e recordei agora.

Eu tinha ideia, sem base científica, que a haver gás xistoso será lá para os lados de Mértola onde há xisto que se farta. Digo isto apenas por ter deambulado uns anos por aquela zona e ter deparado com xisto por todo o lado.

O Raio disse...

Rio D'Oiro,

"não vejo nada em que Sócrates tenha acertado"

O meu caro amigo precisa de óculos!

Recomendo:

http://www.pai.pt/oftalmologia/lisboa/

RioD'oiro disse...

Não resulta. Vou experimentar estes:

http://www.zeiss.com/4125681F004CA025?Opendatabase

:)

Carmo da Rosa disse...

Em relação ao gás de xisto nem tudo o que reluz é ouro! Há efeitos secundários.

Para o extrair é preciso injectar produtos químicos e produzir explosões para partir a pedra… Até que ponto isso é grave, ainda ninguém sabe muito bem, apesar de os americanos já extraírem 30% do seu gás desta maneira…

O Raio disse...

RioD'oiro,

Estou vendo que nem com óculos.

Bom, quando vejo alguém com opiniões como as que tem, tipo, Sócrates não fez nada bem feito, vejo logo que estou perante alguém com quem é difícil trocar ideias pois, não as tem, funciona tipo toiro perante muleta vermelha, marra logo. Neste caso perante Sócrates, atira-se logo, seja pelo que for.

Ninguém fez tudo mal! Hitler, Estaline, Maozedong, Salazar, Pinochet, Cavaco, etc., fizeram coisas mal feitas e coisas bem feitas. Nalguns, as coisas mal feitas foram tão más que eclipsam as boas. Mas todos fizeram algumas coisas bem feitas.
No caso de Cavaco Primeiro Ministro estou-me a lembrar, por exemplo, da sua decisão de sair de Primeiro Ministro. Foi uma boa decisão, das melhores que tomou...

E quanto a Sócrates, claro que fez muitas coisas bem feitas, no meio de algumas bastante mal feitas como acontece a qualquer ser humano.

Carmo da Rosa,

Os americanos estão a extrai-lo sem problemas.

Se dermos ouvidos aos pseudo ambientalistas que pululam por todo o lado, nunca faríamos nada.

RioD'oiro disse...

Raio:

"No caso de Cavaco Primeiro Ministro estou-me a lembrar, por exemplo, da sua decisão de sair de Primeiro Ministro."

Aí está um bom exemplo. Percebeu que tinha perdido o pé e foi-se embora garantindo que deixava o partido fora de hipótese de ganhar de imediato.

Entretanto, deixe-me recordar-lhe, que foi Guterres que se lhe seguiu e que, igualmente, teve a bondade de perceber que não tinha pulso para a coisa e afastou-se. Seguiu-se o chairman-mao-cherne que debandou e foi espalhar a confusão a todo o continente. Seguiu-se o flops que foi corrido, e bem. Depois a socretina criatura que se colou que nem uma lapa e foi, claramente, o pior primeiro-ministro dos últimos 70 anos.

Assim, de repente, Cavaco está na pirâmide deste grupo.

O Raio disse...

Rio D'oiro,

"Seguiu-se o flops que foi corrido, e bem."

Acho esta guerra contra o Santana incrível. Não duvido de que Santana foi o melhor que o PSD deu ao país!
Vejo muita gente, principalmente do PSD a bater no Santana mas, quando peço para concretizar, ou assobiam para o lado ou atacam a sua vida pessoal.


"Depois a socretina criatura que se colou que nem uma lapa e foi, claramente, o pior primeiro-ministro dos últimos 70 anos."

My God! Estamos a justificar o que eu disse atrás! Ao lado de Durão que nos vendeu para ser Presidente da Comissão ou de Cavaco que desbaratou os benefícios da adesão à CEE, Sócrates até foi muito bom.

Esta de gabar o Cavaco Primeiro Ministro é do mais primário que há.

A CEE/CE/UE é extremamente prejudicial para Portugal mas, houve um curto período em que apresentou vantagens, foi na altura da adesão e nuns poucos anos a seguir.

Infelizmente Cavaco era o nosso Primeiro Ministro e limitou-se a usar estas vantagens para se fazer reeleger, Ahhh! e para enriquecer os amigos.

Quando Guterres tomou posse foi logo ao Brasil com uma data de empresários e, no avião, explicou, temos de investir no Brasil pois tudo o que há de bom na CEE já foi recebido, agora só falta o que há de mau...

Infelizmente o que havia de bom foi desbaratado pelo Cavaco...

RioD'oiro disse...

~Raio:

"Sócrates até foi muito bom."

Se esquecermos o pormenor de ele ter feito disparar a dívida óbvia e encapotada levado as coisas ao ponto de termos que partilhar a soberania com o FMI, com Angola, com a China, etc, foi excelente. Se esquecermos que ele encalacrou completamente o ensino, a justiça, a segurança, a defesa, foi excelente. Se esquecermos que ninguém como ele esticou os tentáculos do estado a uma mão cheia de empresas de regime como sem Salazar se atreveu e permitiu, por essa via, a tomada de poder dessa gente dentro do estado em milhentos esquemas de corrupção, então ele foi excelente. Se esquecermos que ele tentou tomar, por dentro e usando a marreta do estado e seus tentáculos em "empresas estratégicas" para controlar a comunicação social adversa, foi um excelente primeiro ministro.

O Raio disse...

"Se esquecermos o pormenor de ele ter feito disparar a dívida óbvia e encapotada"

A dívida disparou por estarmos no Euro e termos entrado numa crise internacional.
O Prof. Ferreira do Amaral num livrinho publicado em 2001 (Contra o centralismo europeu) já previa que a dívida ia disparar.


"termos que partilhar a soberania com o FMI, com Angola, com a China, etc,"

??? Partilhar, não, submetermos-nos aos ditames de Bruxelas. Não há soberania aqui.
Nesta perca de soberania claro que o Sócrates tem culpas, o Sócrates, o Durão, o Cavaco, o Mário Soares, etc., etc.
Quanto a Angola e China, estamos a diversificar, é uma política correcta. Neste momento, quanto menos Europa, melhor.
Aliás, a única boa medida que o Rabbit fez foi de vender os 20% da EDP à China.
Não concordo com a venda, mas a ser feita foi a melhor escolha. Só um cretino como o Gasparzinho é que achava que era melhor vender aos alemães.

"Se esquecermos que ele encalacrou completamente o ensino, a justiça, a segurança, a defesa, foi excelente."

???? Encalacrou, francamente, quanto muito, podemos dizer que não as tirou do buraco em que os antecessores as meteram.

"Se esquecermos que ninguém como ele esticou os tentáculos do estado a uma mão cheia de empresas de regime"

Ao pé do Estado Laranja do Cavaco foi um principiante...

"como sem Salazar se atreveu"

???? A ignorância da História é um dos nossos problemas, como se vê por esta FRASE.

"e permitiu, por essa via, a tomada de poder dessa gente dentro do estado em milhentos esquemas de corrupção"

A corrupção em Portugal de nenhuma forma está descontrolada.
E, a minha percepção era de que havia mais corrupção do Estado Laranja do Cavaco do que actualmente.


"Se esquecermos que ele tentou tomar, por dentro e usando a marreta do estado e seus tentáculos em "empresas estratégicas" para controlar a comunicação social adversa"

Todos os governos tentam controlar a Comunicação Social. Neste ponto, o governo de Sócrates até foi dos mais incapazes.

"foi um excelente primeiro ministro"


Eu não digo isso, acho que o Sócrates com as suas políticas de submissão à ditadura europeia e de aposta idiota nas energias renováveis, foi um mau Primeiro Ministro.

O que eu disse é que ao lado do Durão foi até muito bom.
Creio que dificilmente se contraria esta afirmação.

RioD'oiro disse...

"O Prof. Ferreira do Amaral num livrinho publicado em 2001 (Contra o centralismo europeu) já previa que a dívida ia disparar."

Já percebi. Sócrates foi uma vítima do livro de Ferreira do Amaral.

"??? Partilhar, não, submetermos-nos aos ditames de Bruxelas. Não há soberania aqui."

Também já percebi. Para contrariar a colonização de Bruxelas nada melhor que mais meia dúzia de amos.

???? Encalacrou, francamente, quanto muito, podemos dizer que não as tirou do buraco em que os antecessores as meteram."

Ninguém como Sócrates legislou face a uma realidade que não existia. Tudo passou a bater certo ... no papel. Ninguém como Sócrates torpedeou ou tentou torpedear a justiça não só informal com formalmente.

"A corrupção em Portugal de nenhuma forma está descontrolada."

Pois não. O que está controlada é a legalidade.

"O que eu disse é que ao lado do Durão foi até muito bom. Creio que dificilmente se contraria esta afirmação."

No mundo dos gambozinos tudo é possível.

RioD'oiro disse...

Raio,

Já sabe o que a casa gasta. Caga fora do penico, corto-lhe o pio.